quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Como é o Reveillon em Santiago?

Ano acabando e não escrevi sobre o Réveillon deste ano que passamos em Santiago do Chile. A escolha pela capital chilena foi acertada, poucos dias antes do embarque descobrimos a gravidez da Juliana, e havíamos optado fugir do agito da época e curtir com calma. 

Hotel Plaza el Bosque Ebro
Ficamos hospedados Hotel Plaza el Bosque Ebro, um hotel localizado no bairro de Las Condes. Boas instalações, quarto confortável e com cozinha, indicado para famílias . O café da manhã era bom, porém alguns dias estava bem bagunçado, tinha que chegar cedo. Outro ponto bacana do El Bosque era a piscina na cobertura, ficávamos no fim de tarde na piscina apreciando as Cordilheiras, no inverno deve ser muito bonito. Ponto positivo nos permitindo um late checkout no dia da saída. www.plazaelbosque.cl/ebro

Piscina do Hotel El Bosque com os Andes ao fundo
 
O Bairro de Las Condes é uma boa opção para se hospedar em Santiago, uma área comercial chique e bons restaurantes. O Hotel W sendo o grande destaque do bairro, um edifício de arquitetura modernas e muito imponente . Alguns dos restaurantes mais famosos de Santiago estão junto ao hotel, e uma grande loja de vinhos da El Mundo del Vino. No subsolo do W esta a Coquinaria, um empório gourmet super bacana. Além de empório a Coquinaria servem refeições, almoçamos um dia lá e estava delicioso. www.coquinaria.cl
Coquinaria

Próximo ao nosso hotel estava localizado o Shopping Center Costanera, o maior de Santiago. Sugiro uma vista a loja de vinhos La Cav neste shopping, opções de variadas de vinhos Chilenos. www.cav.cl

Metro de Santiago
Flanamos tranquilamente por Santiago, visitamos os pontos turísticos sem aglomero comuns desta época do ano na maioria das cidades litorâneos brasileiras, nem parecia final de ano ou feriado. Na maioria das fomos com o moderno e tranquilo Metro de Santiago.
 
Funicular Cerro San Cristóbal
Fomos ver a cidade de cima e subimos o tradicional Cerro San Cristóbal, demos o azar do Funicular estar em reformas, e subimos de micro ônibus. O visual no topo do San Cristóbal é interessante para entender a cidade. No topo do Cerro tem uma capela que é o destinos de muitos em peregrinação e orações.
Músicos do Mercado Central Santiago
Centóia Mercado Central Santiago
Visitamos o famoso Mercado Central, que sinceramente não me surpreendeu, já visitei mercados mais grandiosos e interessantes.Tendas vendendo peixes e um bando de garçons tentando te levar aos restaurantes.
Passeamos pelo centro e circulamos por alguns prédios históricos e importantes da administração Chilena. A Catedral no centro de Santiago merece uma visita.









Na noite de Réveillon propriamente dita, demos sorte. Não fizemos nenhuma reserva e tínhamos pensado em passar no hotel mesmo e ver os fogos centro na cobertura do hotel, nos bateu uma deprê e resolvemos dar uma andada pelo bairro e procurar algo, sorte nossa localizamos o Tierra Noble, restaurante super bem indicado de carnes Chilenas. Aos fã de um assado, as Parrilas Chilenas servidas no Tierra Noble não perderam em nada para as carnes da vizinha Argentina. Por ser noite de Reveillon, elas possuíam um menu fechado ou a opção de a La Carte, com um adicional de 50% no principal, muito honesto para a data. www.tierranoble.cl


Outro destaque gastronômico desta nossa passagem por Santiago foi o Jantar no restaurante Aqui esta Coco, uma casa de pescados de altíssima qualidade e com mais de 40 anos de tradição. Os pescados são a grandes especialidades de Santiago, e nos dias que passamos lá este com certeza foi o e. www.aquiestacoco.cl
Estrada de Santiago para Viña del e Valpaíso
Centro Valparaíso
No primeiro dia do ano, nos alertaram que as muitas coisas estariam fechadas em Santiago, optamos por alugar um carro e fazer um bate volta para Valparaíso e Viña del Mar. Alugamos um carro na recepção do hotel por um dia. As estradas e dirigir no Chile foi tranquilo. A opção de alugar carro foi uma excelente, e fugimos das excursões, que possuem várias reclamações.  O caminho de Santiago até Valparaíso e Viña del Mar são 120 km, leva aproximadamente uma hora e meia.
Porto de Valparaíso
Passamos por Valparaíso primeiro demos uma circulada, uma típica cidade portuária. Uma região com casas antigas e mais históricas, mas com um aspecto mais sujas.
Placa de riscos em Viña del Mar


Em Viña del Mar circulamos apreciando o Pacífico, paramos para algumas fotos e fomos atrás de um restaurante para almoçar algum pescado e apreciar o visual. Como era final do ano, não fiz anotações sobre o restaurante e esqueci o nome. Era razoável, porém o visual recompensava
Mantive a tradição apesar do gelado Oceano Pacífico, e pulei minhas 12 ondas. Após o mergulho, seguimos direto para Santiago, numa volta com trânsito mas tranquila, povo educado é diferente, ninguém ultrapassa pelo acostamento e outras coisas comuns de nosso trânsito.
Pulando as ondas em Viña del Mar

Com a Juliana em início da gravidez não fizemos muitas aventuras nos bares e vinhos, somente visitamos a Concha Y Toro, publiquei um post sobre nossa visita:

Povo Chileno
Em resumo o Reveillon em Santiago é indicado para quem deseja fugir dos agito do final de ano. Uma cidade pacata e um povo educado e hospitaleiro.
Moderno edifício em Santiago

Gostamos bastante de Santiago, uma cidade moderna e com uma infra estrutura de dar inveja a nós Brasileiros, um excelente metro, amplas e arborizadas avenidas, grandes parques públicos, pretendo agora repetir no inverno e com o pequeno Antônio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário