quinta-feira, 15 de agosto de 2013

La Hacienda Merlot, um vinho por menos de 10 reais

Sempre desejei partilhar de algumas opiniões sobre vinhos aqui no Blog, não sou um super sabido do assunto, nem pretendo me transformar num Sommelier ou Enólogo, mas sempre serei um Enófilo (Filo=amigo). No Viajar e Pensar já publiquei sobre destinos ligados ao mundo do vinho e o enoturismo, e a agora também vou compartilhar um pouco sobre estas viagens engarfadas que são os vinhos.


Para começar esta coluna, ou post sobre vinhos aqui no Viajar e Pensar escolhi um vinho que me agradou e que me fez refletir sobre alguns pontos econômicos do mundo do vinho.  O vinho escolhido foi o La Hacienda Merlot 2011, comprado na rede de supermercados Angeloni, em promoção por R$ 8,89, um vinho Uruguaio por menos de dez reais. Comumente bebemos bons vinhos na Espanha ou França comprados em mercadinhos por menos de 5 Euros. Já encontrei coisas excelentes em minhas aventuras pelo mercadinhos europeus, mas aqui no Brasil beber algo de menos de R$10 é algo raro ou simplesmente atestado de coisa ruim. Acho importante mostra que existem vinhos bons, e honestos com valores abaixo de trinta reais, transformando os vinhos numa bebida normal e não elitista.
O La Hacienda Merlot não é um grande vinho, nem se propõe a ser, mas é algo bebível e interessante pelo seu preço. Os vinhos Uruguaios são tradicionais nas uvas Tannat, uma uva encorpada e como o nome diz rico em taninos. O La Hacienda Merlot, seria na França um "Vin de Pays"  traduzindo e simplificando um vinho de mesa, leve, pouca acidez e aromas. Típico vinho que se bebe sem frescuras, acompanhando a sopa de legumes destes dias frios, para ser aberto sem grandes expectativas, mas que vai harmonizar praticamente com qualquer alimento.

Bons vinhos e beba com moderação!!!  

14 comentários:

  1. Respostas
    1. Oi Lu,
      Prova e depois nos conta, mas sem grandes expectativas por favor.

      @GusBelli

      Excluir
    2. O fundo de tela do seu blog com letreiro branco n se consegue ler nada.

      Excluir
    3. Pretendo fazer uma mudanças neste início de ano, obrigado pelo feedback.

      @GusBelli

      Excluir
  2. Joaquim C. Souza. 06 de abril de 2014

    Oi Gustavo.,

    Bebo vinho a mais de 30 anos, comprei 2 garrafas para provar:
    O vinho é ótimo como vinho de mesa, nada elaborado, mas tem sabor leve e agradável, custo benefício acima da média.
    Com certeza vou comprar 6 cx, para o inverno.

    Obs: Se durar até lá.

    Valeu a dica...

    Joaquim@anacional.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom Joaquim que aprovou também.

      Bons vinhos!!

      @GusBelli

      Excluir
  3. Fui presentiado cim duas caixas de Tannat, Merlor e Chardonnay..me surpriendeu o sabor, principalmente do Tannat...leve e saboroso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Reinaldo esta semana provei o Hacienda Merlot 2012, está bem tranquilo tb.

      Bons vinhos!
      @GusBelli

      Excluir
  4. Gustavo,
    Há dois meses estou, sem sofrer influência a priori, comprando vinhos na faixa de 10,00 a 20,00. Hoje decidi comprar o em questão. Acabo de abrir e, me surpreendi com o sabor leve, mas marcante do vinho.
    Recomendo. Custo benefício ótimo e sabor agradável.

    ResponderExcluir
  5. Prezados enófilos, boa noite!

    Muito interessante a ponderação do sr. Gustavo Belli. Objetiva, realista e oportuna. Eu também sou enófilo há mais de 35 anos, e costumo "garimpar" em mercadinhos não somente no Brasil como na Europa e países outros do novo mundo com características viníferas. Consumo a bebida diariamente, na razão de meia garrafa por dia (a outra meia fica por conta da minha "sócia" inseparável)...
    Realmente há alguns vinhos possíveis de serem comparados com o "vin de pays" francês, sem muita pretensão, mas com excelente relação custo x benefício. O La Hacienda uruguaio mencionado, tanto o cabernet sauvignon como o merlot ou principalmente (na minha humilde opinião) o tannat são ótimos companheiros para o dia-a-dia! Resido no interior de S. Paulo e por aqui é fácil encontrá-los na faixa de preço entre R$ 12 e R$ 13. Considerando que a tributação, s. m. j., é na ordem de 56%, além de saudável e agradável, não deixa de ser uma opção bastante econômica! Saúde a todos! Tintim! (Antonio Ayres - logismatica@yahoo.com.br)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Antônio

      Tem muito ser que descoberto no mundo dos vinhos, e tem coisa ruim ou mal feita, mas sempre sobram uns bons para nos divertir.

      Abraço!!
      @GusBelli
      @GusBelli

      Excluir
  6. Bom vinho já esperimentei vinhos mais caros e de pouca qualidade...Esse vinho está de parabéns.

    ResponderExcluir