sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Baked by Melissa - Minicupcakes de Nova York

Baked by Melissa é uma rede de casas de mini cupcakes.  Uma alternativa à tradicional e não menos deliciosa Magnólia Bakery.  Em Nova York, várias casas surgiram nos últimos anos para os fãs dos deliciosos e  hiper calóricos bolinhos confeitados. A Baked by Melissa se destaca, por servir mini cupcakes  fofos e deliciosos,  dos mais variados sabores.  A vantagem é que por serem mini, ou melhor micro, podemos nos deliciar com vários sabores e ainda não comprometer a dieta. Além de serem super macios e com cobertura cremosa. Realmente, dos deuses!! 
Detalhe este post está sendo escrito pela @Julifava , a esposa do @GusBelli.
Baked by Melissa
Fomos na loja localizada no 7 East da rua 14, bem próxima a Union Square, no total são 5 lojas em Manhattan:




O serviço é simplificado, você escolhe a quantidade de mini cupcakes, e vai para uma vitrine escolher os sabores. Outro detalhe é que você precisa levar para comer em algum lugar, não existem mesas ou bancadas na loja. O que não é problema, pois em NYC, não falta uma praça ou um parque gostoso para descansar e fazer um belo picnic.


Cupcakes Baked by Melissa

Por 10 dólares, levamos esta caixinha com 12 delicosos Cupcakes e fomos nos deliciar em um banquinho da Union Square.

Todos os sabores são deliciosos, os meus favoritos foram o Red Velvet e o Tie Dye, esse todo colorido da foto, já do Gustavo foi o Mint Chocolate Chip.


As bebidas vendidas lá são somente sucos e chás gelados em caixinha, mas particularmente, para acompanhar nada melhor do que um delicioso cafézinho. Que tal passar no Starbucks? Let's go??

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

O Encantador Longwood Gardens



Acabamos de chegar de uma viagem aos EUA e estivemos em Delaware, Pennsylvania e Philadelphia. Nesta região, visitamos e conhecemos a dupla Maurício e o Oscar do Blog Mauoscar. Foi muito legal, e os amigos Mauoscar foram anfitriões sensacionais, e será muito difícil retribuir tanta hospitalidade. Um ixpetáculo! (manezinho fala assim ok!?)
Começarei o relato desta viagem, pelo último passeio na região, realmente um gran finale, e que certamente foi o ponto alto de toda a nossa viagem: a visita ao Longwood Gardens em Kenneth Square no estado da Pennsylvania.

Para os leitores do Mauoscar, os vários posts sobre o Longwood Gardens nos deixa curiosos, por mostrar um grande  Jardim Botânico, muito rico em detalhes e de espetacular beleza. Depois de conhecer pessoalmente, você fica literalmente encantado com o lugar. Um dos lugares mais bonitos que e eu e a Juliana já visitamos. Para completar, tivemos como guia o Oscar, que é Engenheiro Florestal. Algo como ir à Terra Santa tendo um Padre como guia. O Oscar sabia tudo e mais um pouco, com detalhes impressionantes.




Começamos a visita pelo Flower Garden Walk, um belo jardim com as mais variadas flores, de diversas origens, com um aroma delicioso no ar, rodeado de abelhas, literalmente,  a natureza em ebulição. Isso que estávamos no início do Outono, imagino que durante a Primavera deve ser inexplicável.
Eu e a dupla Maurício e Oscar.
As copas das árvores estavam iniciando as alterações de cores da folhas típicas do Outono, antes de caírem para o inverno, a famosa Foliage.

Entre as árvores do Longwood, foi construída uma casa suspensa sobre árvores, o sonho de consumo de todos os "Tarzans".
Uma das maravilhas do local, são  os Jardins Italianos, com fontes e chafarizes espalhados pelo Longwood. Todos eles construídos para recepcionar os convidados das festas realizadas por Pierre DuPont.

A natureza, não ficou somente nos vegetais, em muitas das arvores podemos visualizar muitas formas de cogumelos e outros fungos.

Dentro de Longwood existe uma das casas que pertenceu a família DuPont. A riqueza dos detalhes desta casa dos anos 30, com todo o luxo e a beleza dos móveis, lustres e louças da época.
Dentre as instalações da casa há alguns painéis mostrando muitas invenções que os Dupont deixaram ao mundo e que muito usamos nos dias de hoje, como a Lycra, o Nylon, esponjas, entre outras.
Esta cena super fotográfica, estava ocorrendo quando saíamos da casa. Este é o Belin o gato mais famoso e gordo de Longwood sendo acariciado. Que dureza hein!
Quando nos dirigíamos ao Conservatório, estava acontecendo o show das águas no Main Foutain Garden. Estas fontes lançam a água em colunas de até 40 metros de altura. Durante o verão são realizados espetáculos que misturam fogos, luzes e as fontes.
O Conservatório de Longwood é uma das estruturas de estufa maiores do mundo. Abriga 20 jardins interiores e 5.500 tipos de plantas. O Conservatório foi construído em 1919 e tem sido periodicamente ampliado e renovado. Atualmente, há 195.668 pés quadrados ou 4,5 hectares de área coberta, possuindo estufas para produção e pesquisa.
 
Nossa entrada no Conservatório, não podia ser melhor, fomos agraciados com a visita de Noviças, que coloriram ainda mais este ambiente.

Este era um dos Jardins Tropicais do interior da Estufa. Uma típica floresta tropical, com bananeiras e outras vegetações da região dos trópicos.



No Conservátorio, existe um amplo salão para audições musicais, com um enorme órgão em destaque.














Neste belo corredor verde, cheio de samambaias ficavam instalados os sanitários do Conservatório.

Outdoor Waterlily Display

Não desmerecendo os outros ambientes, mas este quintal de vitórias régias foi um dos pontos mais legais de toda a visita. Eram muitas e belas flores misturadas com as folhas amplas das vitórias régias. Simplesmente demais! Com plantas da Malasia,  Tailandia  e também do Brasil.





 Juliana e o Maurício.
 Juliana e o Oscar.
Um amplo corredor com vários Bonzais.  Adoremos este com a Romã, muito bonito!
 

Uma das partes do Conservatório,  recheada de hibiscos e rosas.
Como não podia faltar numa ampla estufa de flores, um magnífico Orquidário com as mais variadas cores e formas de orquídeas.



O último jardim que visitamos na estufa, foi este cinza, de clima desertico, árido.
Saindo da estufa visitamos as hortas e os pomares, que estavam repletos de frutas e verduras. Destaque para as abóboras e as crianças sendo fotografadas, lembrando as fotografias da australiana Anne Geddes.


Foi um dia maravilhoso, e na saída ainda passamos por estes anfiteatro ao ar livre, cercado por exuberâncias naturais, como cascatas e fontes.


Aos interessados no Longwood Gardens não deixem de conhecer e ver mais belas imagens e dicas da região, no blog do MauOscar:

Visite a pagina do Longwood Gardens:


Mais uma vez agradecemos a hospitalidade e a receptividade do Maurício e do Oscar.