quinta-feira, 11 de março de 2010

Carnaval no Norwegian Pearl - Dicas de Cruzeiros

Embarcamos durante o Carnaval com mais três casais de amigos para um cruzeiro no Norwegian Pearl pelo Caribe. A Norwergian Cruise Line (NCL) é uma das maiores companhias de cruzeiro do mundo. Seu diferencial são os navios coloridos e o FreeStyle Cruising, que é um sistema menos formal com as obrigações de trajes e horários para as refeições.

Nosso roteiro nesta viagem foi pelo Caribe Leste (Eastern). Saída de Miami, com paradas em Samana (República Dominicana), em Tortola (Ilhas Virgens Britânicas), em Saint Thomas (Ilhas Virgens Americanas ) e em Great Stirrup Cay, uma ilha privada da NCL nas Bahamas. Farei um post sobre cada uma parada depois.

O Norwegian Pearl é um navio inaugurado em 2007, capacidade para 2300 passageiros, com uma ampla variedade de restaurantes e bares a bordo. No navio, tudo é muito colorido e com combinações extravagantes. Um grande exemplo de extravagância é o salão principal, decorado como os salões de San Petersburgo na Rússia, com quadros da famílias dos Czar. Macabro! Lembrava aquele filme "Os Outros" com a Nicole Kidmam. hehe

Outra extravagância eram as cores e os desenhos dos carpetes dos corredores do navio. Todos eles temáticos e bem divertidos.
As ofertas de refeições eram fartas e com uma boa qualidade. Os tradicionais buffet, com uma grande variedade de alimentos, de diversas cozinhas, como massas, orientais, e muito dos que os Americanos gostam. Os jantares eram servidos no buffet ou nos grandes restaurantes com a opção com menu fechado, de temáticas diferentes cada noite, a variedade era boa, nada extraordinária mais legal.



À tarde na piscina serviam Barbecues (BQB), o churrasco onde carne mesmo não é o forte. Os hamburgueres e linguiças eram bem gostosos, e iam bem com cerveja. A quantidade de tipos de cervejas era ampla, com 15 tipos diferentes. Geralmente tomávamos um baldinho com 6 cervejas e pagávamos somente 5, uma era brinde.








Outra opção legal era o Blue Lagoon, serviço 24 horas, uma lanchonete com um pouco de tudo para matar aquela fome fora de hora, com Fish Chips, Hamburgueres, saladas, sopas, massas rápidas, indicado para a hora da gula total, depois de todas as refeições normais.

Como haviam também opções de restaurantes à parte, que não estavam inclusos, cobrado uma taxa que varia de 10-20 doláres por pessoa, dependendo do restaurante. Jantamos em dois, no Teppanyaki e no Le Bistrô. Ainda tinha opção de ir no Steak House, um Italiano, Tapas e Mexican Food e um oriental com Sushi.

O restaurante Teppanyaki um show a parte, sentasse ao redor de uma chapa, onde o cozinheiro faz seu jantar na sua frente, uma mistura de show e janta, bastante legal. O LeBistrô era um restaurante típico Francês, com Cannard, Fillet, nada muito extraordinário, chamou atenção as porcelanas da Versace, um luxo.

Mesa chapa

Showman e Cozinheiro

Vulcão


As cabines eram legais, gostei do formato do banheiro, não era enorme, mais confortável. A cabine resume a tudo que você precisa para uma semana num cruzeiro, nem mais nem menos espaço, aprovado. Nossa camareira Morena era muito atenciosa e caprichosa, depois de qualquer saída a cabine já estava arrumada.






Um dos segredos no cruzeiro para se divertir, combinamos e cada casal entrou no navio com uma garrafa de Vodka na mala, isto é proibido pelas companhias, então não façam isso em casa, rsrs. Todo dia fazíamos um esquentinha numa das cabines.


O fato marcante desta viagem, foi o Casamento à bordo, dos nosso amigos Bárbara e Luciano, O mesmo casal que noivou a dois anos atrás e Punta del Este, no Piegari (post aqui), agora casou no Norwegian Pearl. A cerimônia é realizada na capela dentro do navio, com a benção do Capitão Jensen. Realmente foi bem legal, nos divertimos bastante. Uma dica bem legal para o casais que querem fugir das mesmises dos casórios e ter algo diferente para contar depois.

Não sabia, mas muitas das empresas de cruzeiro possuem um Wedding Package. Então esta aí uma dica diferente de casamento junto com Lua-de-Mel.

Capela do Navio

Os Noivos com o Capitão Jensen


Viva os Noivo!!!


A grande pergunta de sempre é se balançava? Sinceramente navegando com o Norwegian Pearl senti balançar mais do que quando naveguei com o Enchantement of Seas da Royal Caribean (post aqui), e ambos os cruzeiros foram pelo mar do Caribe, nada que impeça um novo cruzeiro.

* Logo virão dicas sobre as paradas dos Cruzeiros no Caribe.

* Outra dica ao chegar em Miami pelo Aeroporto Internacional, não sabe como ir até o porto? O custo do Taxi do aeroporto até o Porto é tabelado em 24 dólares, e pode ir 4 passageiros por carro, o que deixa muitas vezes mais interessante do que pegar um Shuttle, também disponíveis.

Links das Paradas do Norwegian Pearl:
# Samana - Um mergulho no Mar Verde do Caribe

# Ilhas Virgens Britânicas (BVI's) - Onde Devil`s é o Paraíso!

5 comentários:

  1. Oi, tudo bem? Eu vou viajar num cruzeiro no NP em Outubro, queria saber da sua cabine, era a Interior? Pq eu vi que as camas são de solteiro, que dá pra converter em cama queen.... Mas não entendi a sistemática da coisa ahahahah

    Obrigada!!!

    ResponderExcluir
  2. Oi Vanessa,

    Ficamos em cabines externas sem sacadas, só janela. As camas eram de casal, mas tem cabines com duas de solteiro (que se encaixam e viram de casal), e até com uma cama que desce do teto para triplo (beliche).
    Acretito ser uma das informações que você deva passar na reserva ou embarque. As internas sem janelas amcompanham este mesmo design.

    Boa Viagem !!!

    ResponderExcluir
  3. Obrigada Gustavo! Estou muito ansiosa, esse navio deve ser bacana, é um cruzeiro do KISS (a banda) hahaha... Eu procurei muito sobre este navio, se o quarto não seria ruinzinho, mas pelo que eu vi é ótimo pra quem só vai ficar lá pra dormir e tomar banho hahahahaah

    ResponderExcluir
  4. Olá! Você citou que já viajou pelo Royal. Qual dos dois você achou melhor?
    Qual tem um público mais jovem?

    ResponderExcluir
  5. Ana, ambos são estilão americano, mas os Cruzeiros da NCL são mais livres em horários, mais jovem.
    Não naveguei nos gigantes da Royal, mas irei passar o Réveillon no Gateway da Norwergian e depois passo o feedback.
    @GusBelli

    ResponderExcluir